Fases da Lua.

Caros irmãos,
é de conhecimento primário que a Lua se manifesta em quatro fases: estado de NOVA; estado de CRESCENTE; estado de CHEIA; estado de MINGUANTE. 
Em cada uma dessas fases ela leva praticamente sete dias.

Essas quatro fases você deve dividir em Duas Grandes Fases:
De Nova a Crescente, deve considerar como a Quinzena Branca: nessa quinzena ela está sempre em estado positivo. Toda operação mágica de ordem elevada, como preceitos, batismos, afirmações, confirmações diversas, certos trabalhos para fins materiais, certos trabalhos que impliquem descargas, por demandas, e que envolvam oferendas, confecções e preparações sobre “guias ou colares”, talismãs ou patuás diversos, devem ser movimentados ou executados dentro desta quinzena. (Há exceções quando por pedido do guia);

De Cheia a Minguante considere como Quinzena Negra; nesta quinzena de levar na devida conta que a LUA está sempre com influenciação do lado negativo, ou no apecto passivo, para todas as coisas.

Influenciações fundamentais para efeito de Magia:

a) A LUA na fase de NOVA está plena de energia, em estado de expansão e de atração. 

Nessa fase a Lua esparrama a sua seiva (os seus fluídos eletromagnéticos) vital sobre todas as coisas, especialmente nos vegetais, que recebem os elementos revitalizadores de sua energia purificadora. É quando verdadeiramente se deve colher os vegetais ou as ervas mágicas, terapêuticas. Portanto, é quando se devem preparar os “amacis”, os banhos diversos e secar as ervas para os defumadores (secar à sombra).

Ainda dentro dessa fase é que se deve rigorosamente movimentar certas operações que impliquem preparações de médiuns e todos os trabalhos que se enquadram em confirmações, preparações, batismos, cruzamentos de “conga” e, sobretudo, todas as operações mágicas ligadas a oferendas para fins materiais ou de benefícios pessoas, financeiros, etc. Finalmente: todo trabalho ou operação mágica para ficar firme mesmo – ter firmeza duradoura – e se conversar em sigilo e na força dessa condição deve ser feito nessa citada fase. E ainda: todo preparo com as ervas só deve ser feito com as folhas, quer para uso terapêutica propriamente dito, quer para banhos, defumadores, etc., porque o fluido lunar, nessa fase, puxa e concentra mais a seiva dos vegetais para extremidades, isto é, para as pontas.

b) A LUA, na fase de CRESCENTE já recebeu novas energias e se bem que continue em estado positivo, os seus fluidos, o seu vigor, não estão mais naquele estado de pureza inicial.

A rigor, não serve mais para nenhuma operação que implique a preparação de médiuns, através de afirmações, “amacis”, etc.

Serve para toda e qualquer ordem de trabalho material ou que implique em fazer prosperar um sistema de negócio, uma melhoria comercial, etc.

Também é boa para afirmação de terreiro, cruzamento de “congá” com inauguração, como também se presta para o preparo de patuás ou talismãs.

Nessa fase, todo movimento com o preparo das ervas, para qualquer finalidade, deve-se dar preferência aos vegetais cujo valor terapêutica ou mágico esteja mais indicado ou encontrado nos galhos, nas cascas, nos caules ou nas hastes.

O fluido lunar, na Crescente, puxa e concentra mais a seiva dos vegetais nos meios ou nos elementos intermediários, isto é, nas ditas hastes, talos etc.

Essas sãos as especificações gerais para as operações mágicas e suas finalidades, dentro da Quinzena Branca ( a Lua na fase de Nova e Crescente).

Quinzena Negra (fase da Lua de Cheia a Minguante)

Nesta quinzena seria ideal não fazer nenhum trabalho ou operação para fins positivos, seja de que ordem for, especialmente na fase dita CHEIA. Nessa fase a Lua já está assim como a mulher que foi fecundada, está em gestação, ficou grávida, está cheia mesmo.

Aí a Lua está altamente negativa, pois sua influenciação age como um vampiro, isto é, seus fluidos eletromagnéticos estão sugando, vampirizando tudo o que pode, quer da natureza astral propriamente dita, quer na natureza dos próprios vegetais.

Nessa fase de Cheia, a Lua – por causa dessa sua ação vampirizadora – enfraquece a seiva dos vegetais e eles perdem o vigor, ou seja, mais de 70% de suas qualidades terapêuticas, pelas extremidades, isto é, pelas folhas, talos, hastes, etc., que se vão concentrar, pela natural reação de seus próprios elementos vitais, na raiz, ou melhor, naquilo que está dentro da terra.

Deve-se evitar colher as ervas nessa fase, para uso de qualquer espécie, porque não produzem os resultados terapêuticos indicados e podem até prejudicar, se for caso de doença a tratar, ou na questão dos banhos, defumadores, “amacis”, etc.

Quase que nas mesmas condições está a Lua na fase Minguante. Aí está como a mulher que despejou o produto de sua fecundação, isto é, pariu, esvaziou todo o seu conteúdo. Seus fluidos – da Lua – além de estarem fraquíssimos, estão carregados de elementos sutis e deletérios, que vão purificar nas águas, quer nas que vem de cima, do éter, quer nas fixas, existentes embaixo, na terra, isto é, nos mares, rios, lagoas, etc., a fim de se renovarem e provocarem a transformação dita como a fase de Nova.

E é claro na citada fase Minguante da Lua até os próprios vegetais se ressentem em sua seiva, porque recebem sobre a mesma seus fluidos impuros, carregados, fracos, e, para efeito de melhor comparação, envenenados.

E no tocante a trabalhos mágicos, positivos, de qualquer natureza, quase que se anulam ou se diluem nessas vibrações deletérias, porque, para efeito de alta magia ou da Magia branca, tudo no minguante é nocivo.

Obs. Este texto foi uma adaptação do site: povodearuanda.    

Calendário online com feriados municipais, páscoa, carnaval, datas comemorativas e fases da lua
 

Esta casa Umbandista  a pedido do mentor espiritual "Pai Joaquim das Almas" ainda encontra-se fechada ao público. A participação nos trabalhos realizados na casa se darão somente após autorização do mentor. E é restrita aos médiuns e seus familiares autorizados. Após estruturação da forma de trabalho na casa, informaremos a abertura do terreiro. 
Na Umbanda não se admite a cobrança de consultas, não faz amarrações, adivinhações e não utiliza sangue em seus trabalhos.

  Site Map